Nunca diamantes de conflicto!

O que são diamantes do conflito?

"Diamantes do Conflito" são diamantes usados para financiar guerras, terrorismo e agitaçoes civis em vários lugares do mundo.

O que fazem os governos sobre esta matéria?

Mais de 60 países, incluindo os Estados Unidos, adotaram o Processo de Certificação Kimberley para controlar a exportação e importação de diamantes em bruto, extraídos a partir de 1º de janeiro de 2003. O Processo de Kimberley requer que cada remessa de diamantes em bruto seja feita em recipientes resistentes a qualquer manipulação e acompanhada de um certificado validado pelo governo. Cada certificado é numerado de forma exclusiva e contém dados que descrevem os conteúdos das remessas.

O Serviço de Alfândega dos EUA é responsável pelo cumprimento nos portos americanos e comprometeu-se a rejeitar envios de diamantes em bruto de qualquer país que não se obedeçam aos novos padrões e de remessas sem certificação adequada.

Diamond Brothers garante qualidade

Diamond Brothers rejeita qualquer remessa de diamantes que não tenha a respectiva garantia. Em geral, os diamantes de conflito são mais propensos a serem vendidos quando são brutos e não polidos. Diamond Brothers não compra diamantes em bruto minimizando, assim, a chance de lidar com esse problema.

Essas medidas foram tomadas para garantir que os nossos clientes se sintam confortáveis sabendo que todos os diamantes comprados e vendidos pela Diamond Brothers são livres de conflito.

Valorizamos seus diamantes.
Consulta gratuita

+32 488 413 229

  • IGI International Gemological Institute
  • HRD Hoge Raad van Diamant
  • GIA Gemological Institute Of America
  • AGS American Gem Society
  • LD Gems bvba Antwerp